O edital para o próximo Exame do MEC já foi divulgado

O MEC – Ministério da Educação divulgou neste mês de maio, juntamente com o INEP – Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira, o Edital Enem 2019.

Aqui você poderá conferir quais as mudanças adotadas para a próxima edição do exame, quais são as principais regras e o que deve ser observado com muita atenção pelos estudantes.

A previsão de que os órgãos responsáveis pela realização do exame publicassem o edital entre abril e maio se concretizou. Juntamente com a publicação veio a novidade, em relação à taxa de inscrição, que teve seu valor alterado de R$ 35,00 para R$ 63,00.

O edital Enem 2019 estabelece o prazo de inscrições, a data limite para pagamento do boleto (GRU) da taxa de inscrição, as datas da prova Enem 2019, da divulgação dos gabaritos oficiais e também do resultado final, previsto para dezembro ou janeiro de 2016.

Para a próxima edição é esperado que o número de inscritos seja superior ao Enem 2014, que recebeu mais de 8,7 milhões de inscrições.

As inscrições do Enem 2019 estarão disponíveis entre o dia 25 de maio e o dia 05 de junho. Neste período os estudantes deverão acessar o site, que é o único meio para efetuar inscrição.

No ato da inscrição o estudante deve fornecer dados pessoais e familiares, inclusive dados socioeconômicos, como a renda familiar e o grau de estudo dos pais. Deverá optar também pela língua estrangeira (inglês ou espanhol) e se necessita de atendimento especial nos dias das provas.

Outra opção muito importante que deve ser observada com atenção pelos estudantes é o local de prova do Enem 2019. No ato da inscrição o estudante escolhe a cidade onde deseja participar do exame, porém, as provas são aplicadas mais de cinco meses após as inscrições. É possível alterar o local de prova em até alguns dias após o término das inscrições.

Taxa de Inscrição e Isenção do Exame

A taxa de inscrição será de R$ 63,00 e deverá ser paga até a data estabelecida no edital. Quem não pagar o valor até o vencimento será automaticamente excluído do Enem 2019.

Porém, há aqueles estudantes que são isentos do pagamento da taxa, que é o caso de quem estuda em escola pública e conclui os estudos em 2019. O edital do Enem prevê também que estudantes de baixa renda podem declarar carência no momento da inscrição e solicitar isenção do pagamento da taxa.

Em breve traremos novidades sobre o Enem. Curta a e fique por dentro de todas as novidades do exame.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *